Carregando...

TV BRASIL cada vez mais longe do Rio de Janeiro

Desde 2 de dezembro de 2007, quando a TVE BRASIL foi formalmente substituída pela TV Brasil, que a emissora do Rio de Janeiro sofre um lento e gradual processo de esvaziamento. Inicialmente, ficou decidido que a sede da EBC (mantenedora da TV Brasil) seria em Brasília e a sede da TV Brasil no Rio de Janeiro. Porém, a medida que o tempo passava, foi-se modificando esse acordo.

Em 2010, a EBC adquiria um espaço para alocar a sede da TV Brasil em Brasília, no mesmo ano, a emissora de Brasília e São Paulo iniciou um processo de modernização. As geradoras do Rio de Janeiro e São Luís do Maranhão ficaram de fora. Imagina, Rio de janeiro foi colocado no mesmo patamar de prioridade da emissora do Maranhão (!)?  Agora, em breve, virá o tiro de misericórdia: O sinal de rede da TV Brasil será transmitido, ou melhor, subirá para o satélite a partir de Brasília.

Lentamente, a praça paulista recebe o status de segunda mais importante, recebendo investimentos em equipamentos, enquanto a praça carioca está igualmente sendo sucateada.  O final dessa história é previsível! Alguns programas passarão a ser gerados em São Paulo e Brasília e o restante da grade será ou passará a ser terceirizada, a Praça do Rio deve ficar em segundo plano assim como sempre foi em São Luís no Maranhão. Triste fim para a saudosa TV Educativa do rio de Janeiro.
TV 3239728329846101351

Postar um comentário

  1. eng. ARMANDO TORRES FORTES10 de fevereiro de 2012 17:34

    ATENÇÃO!
    MIX TV RECEBE SEU CANAL DIGITAL NO RIO.
    No dia 7 deste mês, foi publicado no DOU, a consignação do canal 16.1 para a MIX.
    Com ela, são onze os canais com autorização digital na cidade.
    Ainda pleiteam a autorização o FUTURA, Canção Nova, e MTV.

    ResponderExcluir
  2. Mesmo não gostando da mudança do Rio para Brasília, acho certo a geração ser na capital federal, já que a TV Brasil é uma emissora pública do Governo Federal (então, nada mais justo do que sua programação ser gerada da capital do Brasil). Mas São Paulo e Rio deveriam receber o mesmo investimento (e a emissora deveria investir também em outras importantes capitais, como BH e Porto Alegre).

    ResponderExcluir
  3. Sinceramente,eu não gostei da mudança da sede da TV Brasil do Rio para Brasília,e muito menos de ver a TV Educativa,ou TVE Brasil ter extinto para dar lugar a essa TV,que pouco investe na filial carioca,que tem a sintonia do sinal bastante cronica.Pior é na TV Brasil de São Luís/MA no canal 2,que mal cobre a cidade.
    A EBC não só tem que investir pesado nos canais de televisão,mas tambem não pode deixar de lado as rádios do governo,como a Nacional,MEC AM/FM e outras.
    Se não fosse essa fusão da TVE Brasil e a TV Nacional de Brasília,a TV Educativa estaria no ar até hoje.O povo paga a conta pra manter o canal do governo no ar...

    ResponderExcluir
  4. Eng. Armando Torres Fortes11 de fevereiro de 2012 00:49

    Discordo do amigo autor. O amigo não imagina como está a sede da Gomes Freire. Jà fiz muita força para que fosse construída uma sede mais ampla e mais moderna na área do Porto do Rio, mas acho que a EBC não teria orçamento para tal. Caso o amigo não saiba, a EBC sofreu cortes orçamentários importantíssimos, que impediram os melhores investimentos no ano que passou. Hoje, o Rio tem uma sede antiga, maquinário obsoleto, ilhas de edição insuficientes, cenografia antiquada e impeditiva à grandes e mais complexas produções, torre de transmissão e enlaces sofrível (torço por uma nova torre, que possibilite inclusive o uso simultaneo de mais unidades móveis)...
    O amigo Felipe Oliveira não deve saber, mas a torre de São Luís, se não tivesse recebido investimentos urgentes por parte da EBC, teria DESABADO. Imagine como está a TV por dentro.
    O que desejo para a TVE-RJ, é que mesmo o switcher de rede indo para BSB, o Rio continua sendo o polo de produção, e precisa também ser um bom produtor de jornalismo. Precisa fazer os concursos de Rio e São Paulo, precisa de mais recursos para a modernização dos estúdios do Rio, incremento do sinal e instalação de reforçadoras digitais (sou contra os investimentos em estações analógicas, mas estão previstos), uma nova torre, novas unidades móveis... enfim... A TVE-RJ, mais do que "teoricamente" mandar ou não no sinal, deve se reconstruir como principal polo de produção, e contribuir com a nova TV pública. Oferecer a nós, cariocas, o melhor jornalismo.
    O prédio do Centro ruiu, e a emissora mais próxima, a que deveria chegar primeiro ao desastre era a TV Brasil. Demorou horrores para aparecer. E sequer ao vivo entrou...
    Brasília precisava de investimento também. Imagine você que lá só existia 1, isso mesmo, UM estúdio para tudo o que se produzia! É absurdo, mas é! A antiga TV nacional não tinha nada! Isso é tão absurdo quanto.
    Se quer minha opinião, a TV Brasil deve ter condições de oferecer um jornalismo comparável à das emissoras comerciais, inclusive tecnicamente, nas 3 principais praças, Rio, São Paulo e Brasília.
    Fazendo isso, já fico satisfeito, e volto a ser telespectador.
    Atualmente, não posso, infelizmente. O sinal do canal 2 NÃO chega á minha casa......
    Abs!

    ResponderExcluir
  5. Outro grande problema existente é a ausência de preservação do acervo de imagens em movimento. Centenas de rolos quadruplex se deterioram em um galpão na Penha,bairro da cidade do Rio de Janeiro.
    Se a EBC não cuida nem pelo prédio da Av. Gomes Freire 474,e sequer compra os equipamentos novos (isso tudo na extinta TVE Brasil),imagina cuidar do acervo rico deixado pela TVE Brasil?!
    Quando a TV Brasil entrou no ar no dia 02/12/2007,somente as cidades do Rio de Janeiro,Brasília,São Luís,Salvador e Juíz de Fora podiam ser sintonizados,já que na época,a falta de equipamentos impediu o lançamento em rede nacional da TV Brasil.
    Sorte que a torre de São Luís recebeu os investimentos da EBC.Mas a emissora opera em baixa potência e por causa disso,é comum ver os chuviscos na televisão e várias interferências.Isso desde os tempos da extinta TVE Maranhão. Também é a única emissora própria da rede a participar apenas com reportagens,e não com participações em programas de rede,como o Repórter Brasil.

    ResponderExcluir
  6. E olha só essa: a NGT foi premiada em uma cidade da Grande SP, como a melhor emissora de 2011: http://redengt.com.br/ngt-ganha-premio-melhores-do-ano-2011-em-caieiras-na-grande-sp/
    Tá de sacanagem...
    E o "Jornal Metropolitano", que só fala da Grande SP, parece que vai ser mostrado todo dia (e, infelizmente, pra td Brasil, né...) - https://twitter.com/#!/Rede_NGT

    ResponderExcluir
  7. nada mais foi falado sobre a RBTV, que chegou a conseguir o canal 14uhf no sumaré.

    ResponderExcluir
  8. KKK "Melhor rede de programação para a família brasileira!" Eu não to acreditando nisso até agora. Como pode isso?

    ResponderExcluir
  9. Canal 40 UHF agora está retransmitindo o sinal do Terra Viva.

    ResponderExcluir
  10. Confirmado !! no canal 40 no Rio De Janeiro entrou o canal Terra Viva do grupo Bandeirantes !! Agora pra quem esperava um outro canal de esporte ou novidades, ate que ficou bom !! Afinal convenhamos !! Melhor esse canal do que esses " Amens Aleluias" da vida !!

    ResponderExcluir
  11. So tem um detalhe nisso !! Acabei de ver que o canal e um canal PAGO !! Quer dizer ele nao tem liberacao pra funcionar como canal aberto !! SERA ?? Sera que foi mudado isso ?? Enfim vamos esperar pra ver se e so um simples teste, ou se jah sera novidade mesmo !! Vamos aguardar !!

    ResponderExcluir
  12. Esse canal do Terra Viva é muito bom de ver!Aqui na Ilha,a recepção do sinal é ótima!
    Esse canal foi cirado em 2005 e até então,somente a cidade de SP transmitia pelo canal 49 UHF.
    Espero que dê tudo certo por aqui!
    Quem lembra do jornalista Otávio Ceschi Jr,que era da Band,ele está no Terra Viva apresentando o Dia Dia Rural de seunda a sexta feira as 11:30.
    O sinal do Terra Viva pode ser sintonizado tambem nas parabólicas.

    ResponderExcluir
  13. Eng. Armando Torres Fortes13 de fevereiro de 2012 23:03

    (risos)
    Seguramente, uma operação provisória.
    O canal pode ter voltado (estranhamente, pois já não há qualquer registro de concessão para o canal 40 - vale a pena pesquisar) e para preencher a duração diária de transmissão estipulada por Lei, o concessionário, que certamente nada produz, passou a retransmitir o sinal de algum canal que não cobre pela retransmissão do sinal. Repare que os sinais dos canais "publicos" que geralmente são solicitados para este tipo de transmissão, que objetiva apenas a não-punição por desobediência à Lei, já operam na cidade.
    Por isso, devem ter recorrido ao TerraViva.
    Certamente por pouco tempo. Canal com temática rural na cidade do Rio?
    Nem o saudoso Arthur Sendas investia nisso... rs

    ResponderExcluir
  14. Oks entao Eng. Armando !! Mas entao quem seria o responsavel pelo canal ?? A Band ?? Se for, e muita burrice dela ter deixado as barrinhas coloridas esse tempo todo ate agora !! Agora se nao for ??!! Essa concessionaria ai tem a autorizacao da Band pra isso ???!!!! E quem tem de direito a licenca pra transmitir esse canal ??!! E pq nao passam logo esse canal pro Digital ?? Enfim.... Essas sao minhas duvidas !! Vc tem razao em dizer que se tem que pesquisar mesmo !!

    Tb Concordo com vc de ter um canal de agricultura numa cidade como o Rio que basicamente nao tem essa forca toda na agricultura ??!! Se fosse pelas outras cidades fora do Rio e Grande Rio ?!! Ate aceitaria !! Do tipo, ter esse canal pra regiao serrana do Rio, aonde a agricultura e mais forte e de grande interesse !! Mas um canal rural pra cidade grande como o Rio ??!! Enfim.... Como disse acima e melhor esse canal do que canal de pastor picareta !!

    ResponderExcluir
  15. O canal Terra Viva pode ser que atue por um curto período,mas é melhor canal do que canal de gangues neo pentecostais.
    E tem pastores da IURD que dizem que a IURD TV (extinta Rede Família),pode vir para a cidade do RJ em algum canal UHF,já que a cidade tem muito mais fiéis dessa igrejola!
    Esse canal de agronegócios na cidade do RJ,pode soar meio estranho.Bem que poderia ser transmitida em cidadezinhas do interior do país,onde a agropecuária domina.
    Mas em compensação,prefiro esse Terra Viva no canal 40.Se ela sair do ar rapidamente,que passe esse canal pra qualquer um,menos para pastores picaretas que fazem da concessão,um púlpito eletronico para arrecadar $$$ dos fiéis e encherem o próprio bolso!

    ResponderExcluir
  16. o rio tinha o canal local tv galeão.o que aconteceu com esse canal?

    ResponderExcluir
  17. Pelo que eu sei essa TV Galeão nunca existiu de verdade como emissora local. Dizem que ela retransmitiu por um tempo o sinal da TV Gazeta.

    ResponderExcluir
  18. TV Galeão???Jamais existiu essa emissora e muito menos o sinal da TV Gazeta aqui na cidade do RJ!Pelo que eu saiba né?
    A TV Gazeta é a CNT dos paulistanos!Durante toda a programação,não sai de 1 ponto de audiencia.
    Mas em compensação,os programas,o pacote gráfico,os cenários e a sintonia tanto de VHF quanto em HD,são muito melhores do que o da CNT!

    ResponderExcluir
  19. Isso de TV Galeão foi um boato que rolou na Wikipédia, ou seja não é confiável. A Gazeta tem índices melhores que a CNT, mas também tem mais horário de produção própria. A CNT ganha da Gazeta só mesmo por investir em séries e filmes (na verdade filmes ele não tá mais passando) e (pra quem gosta) as novelas mexicanas. E também tem mais cara de rede nacional. Fora isso, a Gazeta fica na frente.

    ResponderExcluir

ATENÇÃO:
» Comentários "Anônimos" não serão aceitos e posteriormente apagados. Identifique-se com nome válido!
» Não é permitido deixar links no campo "Nome". Se você quer, por exemplo, divulgar o endereço do seu blog, use o campo "URL".
» Xingamentos e ofensas diretas não são tolerados, isso se aplica para todos os participantes do site.
» Todos os comentários são de total responsabilidade de quem as publicou, não refletindo necessariamente a opinião dos administradores e colaboradores deste site.

emo-but-icon

Página inicial item

Comentários recentes

Postagens Populares